Contribuições do Projeto Montes Claros para o Sistema Único de Saúde

João Alves Pereira, Kimberly Marie Jones

Resumo

Este estudo teve como objetivo refletir sobre as contribuições do Projeto Montes Claros (PMC) para o Sistema Único de Saúde (SUS). Foi realizado um estudo descritivo-exploratório e qualitativo. O método utilizado foi a história oral. Foi utilizada a entrevista semiestruturada gravada e transcrita. O material foi submetido à análise do discurso. Emergiram três categorias temáticas: O PMC como embrião do SUS; Universalização da assistência à saúde; e A expansão do projeto. O PMC é considerado um modelo demonstrativo para o SUS por propor o acesso universal aos serviços, o trabalho em equipe, a territorialização e o planejamento em saúde.

Palavras-chave

Sistema Único de Saúde; Saúde Pública; Reforma dos Serviços de Saúde

Texto completo:

Visualizar PDF

Referências

- Bahia L. 25 anos de SUS: problema na saúde é político [entrevista na internet]. Recife (PE): Portal DSS Nordeste; 2013 Ago 21. Entrevista concedida a Maira Baracho [acesso em 02 dez 2013]. Disponível em: http://dssbr.org/site/entrevistas/25-anos-de-sus-problema-na-saude-e-politico/

- Conselho Nacional de Secretários de Saúde (BR). Sistema Único de Saúde. Brasília: CONASS; 2007.

- Conselho Nacional de Secretários de Saúde (BR). SUS 20 anos. Brasília: CONASS; 2009.

– Cordeiro H. O Instituto de Medicina Social e a Luta pela Reforma Sanitária: Contribuição à História do SUS. PHYSIS: Rev. Saúde Coletiva. 2004 nov, 14(2): 343-362.

– Oliveira DC, Sá CP, Gomes AMT, Ramos RS, Pereira NA, Santos WCR. A política pública de saúde brasileira: representação e memória social de profissionais. Cad. Saúde Pública. 2008 jan, 24(1): 197-206.

– Fleury S. (Org.). Projeto Montes Claros: A utopia revisitada. Rio de Janeiro: Abrasco; 1995. 262p.

– Felipe JS. Apresentação. In: Fleury S. (Org.). Projeto Montes Claros: A utopia revisitada. Rio de Janeiro: Abrasco; 1995. p.09-11.

– Sousa MF. Programa Saúde da Família no Brasil: uma agenda incompleta? Revista Ciência e Saúde Coletiva. 2006 dez, 14(1): 1325-1335.

- Ministério da Saúde (Brasil). A Mobilização Instituinte (Décadas de 1970 e 1980). In: A Construção do SUS: Histórias da Reforma Sanitária e do Processo Participativo. Brasília: Ministério da Saúde; 2006. cap01. p.35-109.

- Escorel S. Reviravolta na saúde: origem e articulação do movimento sanitário. Rio de Janeiro: Ed. Fiocruz; 1998. 208p.

- Santos RCN. A história do Projeto Montes Claros. In: Fleury S. (Org.). Projeto Montes Claros: A utopia revisitada. Rio de Janeiro: Abrasco; 1995. cap02. p.21-60.

- Fonseca DS. Primeira história da medicina simplificada no Brasil [dissertação]. Belo Horizonte: Departamento de Ciência Política, Universidade Federal de Minas Gerais; 1984.

- Lima FV. Etnografia histórica das ações de saúde no Brasil: um estudo de caso sobre o Projeto Montes Claros. Anais da IX Reunião de Antropologia do Mercosul, 10 a 13 de julho de 2011 - Curitiba, PR. Disponível em http://www.sistemasmart.com.br/ram /arquivos/13_6_2011_11_27_16.pdf. Acesso em 20 de junho de 2011.

- Mendonça JMG, Rodrigues RA. Resgate oral dos eventos que envolveram Montes Claros - MG e sua colaboração para a formação do Sistema Único de Saúde [trabalho de Conclusão de Curso]. Montes Claros: Universidade Estadual de Montes Claros, Curso de Enfermagem, Departamento de Enfermagem; 2006.

- Sobrinho DF. Ascensão e queda da República Socialista de Montes Claros. In: Fleury S. (Org.). Projeto Montes Claros: a utopia revisitada. Rio de Janeiro: Abrasco; 1995. cap11. p.239-249.

- Van Stralen CJ. Do Projeto Montes Claros para o Sistema Único de Saúde: o hiato entre ideologia e realizações práticas. In: Fleury S. (Org.). Projeto Montes Claros: a utopia revisitada. Rio de Janeiro: Abrasco; 1995. cap07. p.165-191.

- Felipe JS. Apresentação. In: Fleury S. (Org.). Projeto Montes Claros: A utopia revisitada. Rio de Janeiro: Abrasco; 1995. p.09-11.

- Silva EL, Menezes EM. Metodologia de pesquisa e elaboração de dissertação. 3 ed. Florianópolis: Laboratório de Ensino a Distância da UFSC; 2001. 121p.

- Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 3a. ed. São Paulo - Rio de Janeiro: Hucitec/Abrasco; 1994. 406p.

- Lang ABSG. História oral: muitas dúvidas, poucas certezas e uma proposta. In: Meilhy JSSB. (Org.). (Re) introduzindo história oral no Brasil. São Paulo: Xamã; 1996. p.33-47.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.